Implante de Prótese Peniana não diminui o tamanho do pênis – revela estudo apresentado no AUA

Introdução

Uma causa comum de insatisfação do paciente após a cirurgia de Implante Peniano (Prótese) é o encurtamento do pênis. Este estudo prospectivo teve como objetivo nvestigar o tamanho do pênis medido no pré e no pós-operatório.

Métodos

Pacientes consecutivos submetidos à cirurgia de Prótese foram avaliados durante um período de 1 ano. Medidas padronizadas do comprimento peniano flácido esticado (SFPL) foram realizadas sob anestesia no pré-operatório, em seguida, re-medido no final do procedimento com o pênis na posição ereta. A medição foi feita por um único avaliador e foi mensurada da seguinte forma: o comprimento do pênis da pele supra-púbica para a glande distal (pele a ponta) e o perímetro foi medido com fita em torno da base do pênis. Os dados de tamanho foram registrados para os cinco milímetros mais próximos. Registramos o tipo de implante peniano e o tamanho e os dados do índice de massa corporal (IMC), hipertensão, HbA1c e doença de Peyronie (PD). O software SPSS foi utilizado para análise estatística. Teste T pareado para verificar diferença estatística no comprimento e circunferência pré e pós-operatório. Torneiras cruzadas para avaliar a correlação entre Comprimento / Circunferência e outras variáveis.

Resultados

Foram incluídos 133 pacientes. 66% tinham implante maleável (MP), 34% implante inflável. Idade mediana e IMC foram 56 anos e 30, respectivamente. 30% dos pacientes tinham hipertensão e 28% tinham DP. 67% eram diabéticos. A média do SFPL pré-implante foi de 12,8 ± 1,8 cm. Média pós-operatória comprimento ereto 13,1 ± 1,7 cm. No geral, houve um aumento significativo no comprimento + 0,36 ± 0,63 cm. Os pacientes que tiveram IP tiveram um aumento mais significativo no comprimento de 0,62 ± 0,72 cm em comparação com o MP 0,22 ± 0,53 (p << 0,05). Fizemos o teste ANOVA e gráfico relativo para circunferência diferencial (pré e pós-operatório) versus diâmetro da prótese (pequeno: 9,5 mm, médio: 11 mm, grande: 13 mm) e não foi estatisticamente significativo (p = 0,86).
O comprimento diferencial (pré e pós-operatório) versus comprimento da prótese mostrou-se estatisticamente não significativo. Investigamos correlações entre os desfechos pré e pós-operatórios relacionados ao IMC, hipertensão, diabetes e DP. Nenhuma dessas variáveis afetou o resultado.

Imagem da tabela de comparação

Conclusões

A cirurgia de implante de prótese peniana não diminui significativamente o tamanho do pênis em comparação com a avaliação pré-operatória, mas a preserva para a maioria dos pacientes.

Recomendamos para que, os pacientes que tenham interesse na colocação de uma prótese peniana, leiam o post https://www.alessandrorossol.com.br/blog/perguntas-e-respostas-sobre-protese-peniana/ . Este tópico de perguntas e respostas é um canal aberto com o  especialista. Ali o paciente poderá esclarecer as principais dúvidas sobre o assunto. E se ainda permanecer algum questinamento, escreva, envie sua pergunta. Ou marque uma consulta para um atendimento com o Dr. Rossol.

No vídeo acima apresentamos o aspecto do pênis de dois pacientes submetidos a implante de prótese peniana semi-rígida. Os vídeos foram gravados quatro semanas após a cirurgia, quando normalmente o paciente é reavaliado e liberado para reiniciar as relações sexuais.

 

 

Fonte Bibliográfica: 

https://eventscribe.com/2018/AUA2018/agenda.asp?tn=Sexual+Function%2FInfertility

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Download Formulários

Biópsia por Agulha

Biópsia Prostática

Cirurgia da Curvatura Peniana na Doença de Peyronie

Cistolitotomia

Cistolitotomia Videolaparoscópica

Cistolitotripsia Transcistoscópica

Colocação de Cateter Duplo J Trasureteral

Correção Cirúrgica de Incontinência Urinária

Geral - Operações Cirúrgicas

Implante de Prótese Peniana Maleável

Litotripsia Extracorpórea por Ondas de Choque (LECO)

Nefrectomia Parcial por Calculose

Nefrectomia Radical com ou sem Linfadenectomia Retroperitonial

Nefrectomia Videolaparoscópica

Nefrectomia Videolaparoscópica do Rim Doador do Transplante Renal

Nefrolitotomia Anatrófica por Calculose Renal

Nefrolitotomia Simples por Calculose Renal

Nefrolitotripsia Associada à Endopielotomia Percutânea

Nefrolitotripsia Percutânea

Nefrolitotripsia Transureteroscópica

Nefrolitotripsia Transureteroscópica com Endopielotomia

Nefropaxia Videolaparoscópica

Nefrostomia Percutânea

Orquidopexia

Orquiectomia Bilateral

Orquiectomia Unilateral por via Inguinal

Pielolitotomia (Calculose Renal)

Pieoloplastia Videolaparoscópica

Postectomia

Prostatectomia para H.P.B. Transvesical ou Retropúbica

Prostatectomia Radical Retropúbica com Linfadenectomia

Prostatectomia Radical Videolaparoscópica

Ressecção Transuretral da Próstata

Ressecção Transuretral de Tumor Vesical

Tratamento Cirúrgico da Hidrocele

Tratamento Cirúrgico da Varicocele

Tratamento Cirúrgico Videolaparoscópico de Cisto Renal

Tratamento Endoscópico da Ureterocele

Ureterolitotomia

Ureterolitotripsia Transureteroscópica

Uretrotomia interna

Ureterolitotomia Videolaparoscópica

Nefroureterectomia Videolaparoscópica

Uretroplastia

Vasectomia

Correção cirúrgica de tortuosidade peniana congênita

Open chat
1
💬 Alguma dúvida?
Olá 👋🏻 Podemos te ajudar?