Reversão permite engravidar novamente

Infertilidade masculina

Consulta presencial e on-line

40% das causas de infertilidade são masculinas. Investigue!

A infertilidade masculina pode ser devida a uma variedade de condições. Algumas dessas condições são identificáveis e reversíveis.

A história médica do paciente associada ao exame físico é o passo inicial para investigar a infertilidade masculina. História prévia de traumatismos escrotais, cirurgias pélvicas ou abdominais, caxumba na infância, gestações prévias de parceiras são relevantes.

O exame físico busca avaliar o tamanho e a consistência dos testículos, assim como dos epidídimos. A inexistência do canal deferente, facilmente identificada no exame físico, é causa eventual de azoospermia (ausência de espermatozoides no ejaculado).

Avaliação seminal (espermograma)

A avaliação do sêmen é o exame inicial para investigar a causa da infertilidade. Existe uma prevalência aumentada de fator masculino associada à infertilidade e uma relação de anormalidades genéticas com a diminuição da capacidade fértil masculina. É de fundamental importância o estudo e o diagnóstico correto desse grupo de pacientes para uma boa indicação terapêutica e avaliação prognóstica.

Causas reversíveis da Infertilidade masculina: obstrução dos ductos deferentes e hipogonadismo hipogonadotrópico.

Outras condições são identificáveis, mas não reversíveis, como atrofia testicular secundária a orquite viral. Quando a identificação da etiologia de uma análise do sêmen anormal não é possível, como é o caso em muitos pacientes, a condição é denominada idiopática.

Quando a razão para a infertilidade não é clara, com uma análise de sêmen é normal, a infertilidade é denominado inexplicável. Raramente pacientes com sêmen normal em análises têm espermatozóides que não funcionam de uma maneira necessária para a fertilidade.

Saiba mais: AVALIAÇÃO DO HOMEM INFÉRTIL – recomendações da AUA revisadas e validades em 2011

Cerca de 15% dos casais são incapazes de conceber após um ano de relações sexuais desprotegidas. O fator masculino é o único responsável em cerca de 20% dos casais inférteis. Se um fator de infertilidade masculina está presente, ele é quase sempre definido pela constatação de uma análise do sêmen anormal, embora outros fatores masculinos podem desempenhar um papel mesmo quando a análise do sêmen é normal. Esta avaliação oferece recomendações para a avaliação diagnóstica ótima do parceiro masculino de um casal infértil.

A infertilidade masculina pode ser devida a uma variedade de condições. Algumas dessas condições são identificáveis e reversíveis, tais como obstrução dos ductos deferentes e hipogonadismo hipogonadotrópico. Outras condições são identificáveis, mas não reversíveis, como atrofia testicular bilateral secundária a orquite viral. Quando a identificação da etiologia de uma análise do sêmen anormal não é possível, como é o caso em muitos pacientes, a condição é denominada idiopática. Quando a razão para a infertilidade não é clara, com uma análise de sêmen é normal, a infertilidade é denominado inexplicável. Raramente pacientes com sêmen normal em análises têm espermatozóides que não funcionam de uma maneira necessária para a fertilidade. O propósito da avaliação do sexo masculino é identificar estas condições. Identificação e tratamento de condições reversíveis podem melhorar a fertilidade do homem e permitir a concepção pela relação sexual.

Conheça o Dr. Alessandro

Como médico cirurgião, tem se dedicado à realização de cirurgias do pênis, uso de microscopia e instrumentais cirúrgicos de alta precisão. O treinamento com estes materiais em estruturas anatômicas do trato gênito-urinário proporciona maior precisão e qualidade ao ato cirúrgico, aumentando as chances de sucesso do procedimento. Anualmente tem realizado cursos de aperfeiçoamento em Medicina Sexual nos Congressos da Associação Americana de Urologia e Conferências da ISSM – Sociedade Internacional de Medicina Sexual.

É especialista em cirurgias de Prótese Peniana, Doença de Peyronie, Tortuosidade Peniana Congênita, Varicocele, Hiperplasia da Próstata, Vasectomia e Reversão de Vasectomia.

  • Especialização em Cirurgia Urológica – Universidade Pierre et Marie Curie, Paris, França
  • Membro da ISSM – International Society for Sexual Medicine
    Membro da AUA – Associação Americana de Urologia
  • Especialista atuando em Urologia e Andrologia há 16 anos

Mais de 9000 cirurgias e procedimentos realizados

Especialização na França

Os pacientes operados pelo Dr. Rossol têm acesso ao celular pessoal do médico para tirar dúvidas que venham surgir no pós-operatório, garantindo assim uma assistência completa para o seu caso.

Dr. Alessandro Rossol

O conforto que você merece

A Clínica de Andrologia e Urologia Dr. Alessandro Rossol possui uma infraestrutura de alto padrão para atender com qualidade e excelência pacientes com problemas urológicos.

Espaço VIP para procedimentos

Agende uma consulta

Preencha o formulário abaixo para agendar uma consulta.

Agende uma consulta

Preencha o formulário abaixo para saber mais detalhes

Tudo sobre Infertilidade masculina

Artigos

Mais artigos sobre:

48 Vídeos

Download Formulários

Biópsia por Agulha

Biópsia Prostática

Cirurgia da Curvatura Peniana na Doença de Peyronie

Cistolitotomia

Cistolitotomia Videolaparoscópica

Cistolitotripsia Transcistoscópica

Colocação de Cateter Duplo J Trasureteral

Correção Cirúrgica de Incontinência Urinária

Geral - Operações Cirúrgicas

Implante de Prótese Peniana Maleável

Litotripsia Extracorpórea por Ondas de Choque (LECO)

Nefrectomia Parcial por Calculose

Nefrectomia Radical com ou sem Linfadenectomia Retroperitonial

Nefrectomia Videolaparoscópica

Nefrectomia Videolaparoscópica do Rim Doador do Transplante Renal

Nefrolitotomia Anatrófica por Calculose Renal

Nefrolitotomia Simples por Calculose Renal

Nefrolitotripsia Associada à Endopielotomia Percutânea

Nefrolitotripsia Percutânea

Nefrolitotripsia Transureteroscópica

Nefrolitotripsia Transureteroscópica com Endopielotomia

Nefropaxia Videolaparoscópica

Nefrostomia Percutânea

Orquidopexia

Orquiectomia Bilateral

Orquiectomia Unilateral por via Inguinal

Pielolitotomia (Calculose Renal)

Pieoloplastia Videolaparoscópica

Postectomia

Prostatectomia para H.P.B. Transvesical ou Retropúbica

Prostatectomia Radical Retropúbica com Linfadenectomia

Prostatectomia Radical Videolaparoscópica

Ressecção Transuretral da Próstata

Ressecção Transuretral de Tumor Vesical

Tratamento Cirúrgico da Hidrocele

Tratamento Cirúrgico da Varicocele

Tratamento Cirúrgico Videolaparoscópico de Cisto Renal

Tratamento Endoscópico da Ureterocele

Ureterolitotomia

Ureterolitotripsia Transureteroscópica

Uretrotomia interna

Ureterolitotomia Videolaparoscópica

Nefroureterectomia Videolaparoscópica

Uretroplastia

Vasectomia

Correção cirúrgica de tortuosidade peniana congênita

Open chat
1
💬 Alguma dúvida?
Olá 👋🏻 Podemos te ajudar?