Tratamento com ondas de choque em paciente com disfuncao erétil após trauma peniano – apresentacao de caso

Tratamento com ondas de choque em paciente com disfuncao erétil após trauma peniano – apresentacao de caso

Apresento o caso de um paciente masculino de 51 anos que procurou atendimento no consultório por disfuncao eretil dois meses pós trauma.
Sofreu um acidente de motocicleta, onde colidiu com um carro e, no momento do impacto, bateu a região genital contra o tanque de combustível da moto.
Nao apresentou fraturas ou traumatismo craniano. Apenas uma lesão importante que acometeu o escroto e a base do pênis.
Foi levado à emergencia do hospital para receber os primeiros socorros. Genitália apresentava hematoma importante. Foi sondado. Exames de imagem não apresentavam lesao na uretra, mas, sim, lesão nos corpos cavernosos do pênis.
Teve a sonda retirada no dia seguinte e alta hospitalar.
Nas 5 semanas seguintes apresentava disfuncao erétil total.
Nesta primmeira avalicao foi solicitada ressonância nuclear magética da pelvee do pênis e prescrito medicamento oral para disfunćão erétil – tadalafila 5mg, uma vez ao dia, contínuo.

Nas áreas apontadas pelas setas nas imagens abaixo pode-se ver as lesoes nos dois corpos cavernosos da base do pênis.

PXL_20210224_214333290

PXL_20210224_214327670

PXL_20210224_214318636

Foi também realizado um exame de ecodoppler peniano com teste fármaco-induzido.

LAUDO EXAME…

Com três semanas de uso da tadalafila, o paciente ainda nao apresentava erecoes. Foi, entao, proposto tratamento com ondas de choque de baixa intensidade. Paciente concordou com o tratamento e foram realizadas 10 sessoes  – 2 vezes por semana durante cinco semanas.

A partir da segunda semana o paciente comecou a apresentar erecoes noturnas espontaneas e ao final do tratamento ele conseguia ter relacoes sexuais com uso do medicamento oral.

Segue…

 

2 respostas

    1. Olá Gilmar! O tratamento de disfuncao erétil em pacientes diabéticos pode ter resultados muito bons. Principalmente naqueles casos leves e moderados, onde os medicamentos orais não estão mais funcionando bem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Download Formulários

Biópsia por Agulha

Biópsia Prostática

Cirurgia da Curvatura Peniana na Doença de Peyronie

Cistolitotomia

Cistolitotomia Videolaparoscópica

Cistolitotripsia Transcistoscópica

Colocação de Cateter Duplo J Trasureteral

Correção Cirúrgica de Incontinência Urinária

Geral - Operações Cirúrgicas

Implante de Prótese Peniana Maleável

Litotripsia Extracorpórea por Ondas de Choque (LECO)

Nefrectomia Parcial por Calculose

Nefrectomia Radical com ou sem Linfadenectomia Retroperitonial

Nefrectomia Videolaparoscópica

Nefrectomia Videolaparoscópica do Rim Doador do Transplante Renal

Nefrolitotomia Anatrófica por Calculose Renal

Nefrolitotomia Simples por Calculose Renal

Nefrolitotripsia Associada à Endopielotomia Percutânea

Nefrolitotripsia Percutânea

Nefrolitotripsia Transureteroscópica

Nefrolitotripsia Transureteroscópica com Endopielotomia

Nefropaxia Videolaparoscópica

Nefrostomia Percutânea

Orquidopexia

Orquiectomia Bilateral

Orquiectomia Unilateral por via Inguinal

Pielolitotomia (Calculose Renal)

Pieoloplastia Videolaparoscópica

Postectomia

Prostatectomia para H.P.B. Transvesical ou Retropúbica

Prostatectomia Radical Retropúbica com Linfadenectomia

Prostatectomia Radical Videolaparoscópica

Ressecção Transuretral da Próstata

Ressecção Transuretral de Tumor Vesical

Tratamento Cirúrgico da Hidrocele

Tratamento Cirúrgico da Varicocele

Tratamento Cirúrgico Videolaparoscópico de Cisto Renal

Tratamento Endoscópico da Ureterocele

Ureterolitotomia

Ureterolitotripsia Transureteroscópica

Uretrotomia interna

Ureterolitotomia Videolaparoscópica

Nefroureterectomia Videolaparoscópica

Uretroplastia

Vasectomia

Correção cirúrgica de tortuosidade peniana congênita

Open chat
1
💬 Alguma dúvida?
Olá 👋🏻 Podemos te ajudar?