Varicocele

Varicocele consiste em dilatação e tortuosidade das veias o plexo pampiniforme do cordão espermático; são as veias que drenam o sangue proveniente do testículo e epidídimo. A prevalência é de 20% na população masculina global e de 40% nos homens inférteis.

varicocele

Em 1880 foi pela primeira vez documentado que ela ocorre principalmente no lado esquerdo (90% dos casos). Raramente se manifesta antes da adolescência. Depois de se manifestar, raramente regride espontaneamente. Já que a varicocele dificilmente se manifesta em homens adultos e idosos, provavelmente os garotos que possuem varicocele são os homens que apresentarão a mesma patologia na vida adulta e senil.

A maioria dos pacientes que apresenta varicocele é assintomática. Na maioria das vezes ela é um achado ocasional em exame físico realizado pelos médicos. Entretanto o principal foco de interesse relacionado à varicocele reside no fato de causar infertilidade masculina, já que pode alterar a qualidade do sêmen, assim como a espermatogênese.

Estudos demonstram que a varicocele está associada com uma diminuição progressiva da função testicular, sendo observadas melhorias dos parâmetros seminais, histologia e tamanho testiculares após correção cirúrgica, com taxa de resposta da espermatogênese em 50% a 80% dos pacientes.

Varicocele grau III

Varicocele III 2

Varicocele III 3

Alterações do sistema venoso espermático interno são sugeridas como causa da maioria das varicoceles. O efeito nocivo destas sobre a espermatogênese é explicado por diversas hipóteses como a hipertermia, o refluxo de metabólitos do rim e adrenal, a disfunção hormonal e a hipóxia (estresse oxidativo).

O surgimento da varicocele na puberdade provavelmente está relacionado com as mudanças fisiológicas próprias da passagem pré-puberal para puberal. É raro observar varicocele em meninos menores de 9 anos de idade. Os pacientes podem ser assintomáticos ou se queixarem de dor testicular de intensidade e características variáveis, sensação de peso ou de desconforto escrotal.

As causas da varicocele são:

– aumento de pressão da veia renal esquerda;
– anastomoses venosas colaterais
– incompetência das válvulas da veis espermática interna.

 

O exame físico é fundamental para o dianóstico preciso. Idealmente o paciente deve ser examinado na posição supina (em pé) em ambiente não frio.
Além do cordão espermático (local onde se inspeciona a presença de varicocele), devem ser palpados os testículos, para averiguar tamanho e consistência.

Existem três graus de varicocele:

– grau I: pequena dilatação palpável apenas com manobra de valsalva;
– grau II: moderada dilatação palpável sem manobra de valsalva;
– grau III: grande dilatação das veias, sendo possível visualizar através da pele do escroto, mesmo sem palpação.

O exame de ultrassom com doppler é complementar ao exame físico. É diagnóstico para varicocele a presença de veias com diâmetro de calibre superior a 3mm ou visualização de refluxo de sangue nas veis do plexo pampiniforme.

O tratamento é a correção cirúrgica e está indicada:

– em pacientes inférteis com alterações na qualidade do sêmen (concentração, motilidade – achado mais freqüente – e morfologia) em pelo menos duas análises seminais;

– em adolescentes com assimetria ou parada do crescimento testicular (disparidade de volume superior a 20%) e com alterações seminais (quando possível).

Entretanto, não existem evidências na literatura médica para orientar o tratamento ideal para varicoceles subclínicas.

Diversas técnicas cirúrgicas têm sido empregadas: retroperitoneal (técnica de Palomo), inguinal (técnica de Ivanissevich) e subinguinal microcirúrgica (técnica de Marmar). Recomenda-se o uso de magnificação para diminuir a chance de lesão arterial. Outra possibilidade é a embolização percutânea, principalmente em casos de falhas das cirurgias convencionais. A complicação mais comum é a recidiva ou persistência da varicocele, com uma taxa de 0% a 20%.

Incisão Subinguinal para abordagem do cordão espermático.

Varico dedo

Aspecto do campo operatório, com incisão subinguinal e isolamento do cordão espermático.

A cirurgia consiste na ligadura das veias dilatadas do plexo pampiniforme. O cirurgião urologista tem sempre o cuidado de ligar apenas as veias e preservar canal deferente, vasos linfáticos, nervos e artéria testicular. Os melhores resultados são obtidos com uso de microscópio durante a interveção cirúrgica. Com microscópio, a imagem fica magnificada e a acurácia é maior. Os riscos são menores, e as taxas de recidiva também são menores.

Instalação do microscópio sobre o campo operatório.


A correção cirúrgica da varicocele em homens inférteis melhora a qualidade do sêmen em 71% dos homens operados e aumenta em 40% a chance de gestação neste grupo. Um grupo comparado não operado apresenta chances de 16 % de gestação.

A análise seminal é útil para posterior acompanhamento dos resultados e indicação terapêutica, mas não deve ser considerada como método de diagnóstico absoluto.

O grande tema em debate entre urologistas no momento é a indicação ou não de operar adolescentes que apresentam varicocele e que ainda não têm filhos. Estes casos deverão ser avaliados individualmente para se ponderar a conduta a ser seguida.

Curiosamente, um estudo demonstrou que a presença de varicocele aumenta a incidência em 2,6X na chance de desenvolvimento de câncer de próstata em homens inférteis com varicocele.

 

Fonte Bibliográfica:
Tratado de Urologia, Campbell – Walsh urology – 9ª edição, 2007.
Diretrizes da SBU – Sociedade Brasileira de Urologia – 2012 – http://www.sbu.org.br/?diretrizes
AUA 2012

Fotografias:
Arquivo pessoal – Dr. Alessandro Rossol

0 resposta

  1. Bom dia! Meu filho está com varicocele e o médico disse que só vai operá-lo após um exame de espermograma. Só que meu filho se recusa a fazer, dizendo que masturbação é pecado (ele é católico) . Existe outra forma de resolver esse problema? Agradeço desde já, Viviane.

    1. Bom dia! Os principais critérios para indicação de cirurgia para meninos/adolescentes são: alteração no espermograma e falha no crescimento do testículo. O desenvolvimento inadequado do testículo com varicocele pode ser avaliado pela palpação e pelo volume mensurado na ecografia. A recusa do paciente na coleta do espermograma deverá ser respeitada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Download Formulários

Biópsia por Agulha

Biópsia Prostática

Cirurgia da Curvatura Peniana na Doença de Peyronie

Cistolitotomia

Cistolitotomia Videolaparoscópica

Cistolitotripsia Transcistoscópica

Colocação de Cateter Duplo J Trasureteral

Correção Cirúrgica de Incontinência Urinária

Geral - Operações Cirúrgicas

Implante de Prótese Peniana Maleável

Litotripsia Extracorpórea por Ondas de Choque (LECO)

Nefrectomia Parcial por Calculose

Nefrectomia Radical com ou sem Linfadenectomia Retroperitonial

Nefrectomia Videolaparoscópica

Nefrectomia Videolaparoscópica do Rim Doador do Transplante Renal

Nefrolitotomia Anatrófica por Calculose Renal

Nefrolitotomia Simples por Calculose Renal

Nefrolitotripsia Associada à Endopielotomia Percutânea

Nefrolitotripsia Percutânea

Nefrolitotripsia Transureteroscópica

Nefrolitotripsia Transureteroscópica com Endopielotomia

Nefropaxia Videolaparoscópica

Nefrostomia Percutânea

Orquidopexia

Orquiectomia Bilateral

Orquiectomia Unilateral por via Inguinal

Pielolitotomia (Calculose Renal)

Pieoloplastia Videolaparoscópica

Postectomia

Prostatectomia para H.P.B. Transvesical ou Retropúbica

Prostatectomia Radical Retropúbica com Linfadenectomia

Prostatectomia Radical Videolaparoscópica

Ressecção Transuretral da Próstata

Ressecção Transuretral de Tumor Vesical

Tratamento Cirúrgico da Hidrocele

Tratamento Cirúrgico da Varicocele

Tratamento Cirúrgico Videolaparoscópico de Cisto Renal

Tratamento Endoscópico da Ureterocele

Ureterolitotomia

Ureterolitotripsia Transureteroscópica

Uretrotomia interna

Ureterolitotomia Videolaparoscópica

Nefroureterectomia Videolaparoscópica

Uretroplastia

Vasectomia

Correção cirúrgica de tortuosidade peniana congênita

Open chat
1
💬 Alguma dúvida?
Olá 👋🏻 Podemos te ajudar?