Disfunção Erétil

Consulta presencial e on-line

Impotência Sexual: Chegou a hora de resolver este problema!

A disfunção erétil, ou impotência sexual, é a incapacidade de iniciar ou manter uma ereção suficiente para a realização de uma relação sexual satisfatória.

Ela pode ter várias causas:

  • pós operatório de cirurgia radical da próstata,
  • problemas vasculares,
  • doenças psíquicas,
  • problemas endócrinos, 
  • medicamentos.

Para muitos homens, a impotência pode causar grandes prejuízos à saúde mental, diminuindo a autoestima, piorando seu bem-estar, causando dificuldade nos relacionamentos e até depressão.

Tratamentos:

  • Medicamentos Orais
  • Ondas de Choque
  • Reposição Hormonal
  • Injeções no Pênis
  • Prótese peniana

 

DIAGNÓSTICO:

Os homens que apresentam impotência sexual devem ser submetidos a uma história médica detalhada com o urologista, que é o médico especializado no diagnóstico e tratamento deste problema. 

Na consulta é realizada uma avaliação da história sexual do paciente, assim como um exame físico detalhado. Também é solicitada uma avaliação hormonal, que é a dosagem da testosterona e dos outros hormônios do paciente. 

Para alguns homens com disfunção erétil, o Ecodoppler Peniano com Teste Fármaco-Induzido pode ser necessário para um diagnóstico mais detalhado. É um exame específico para definir a causa da ereção ruim. Ele vai mostrar como estão os vasos sanguíneos dos corpos cavernosos do pênis (artérias e veias).

Importante! Segundo a AUA (Associação Americana de Urologia), homens devem ser informados que a Disfunção Erétil pode ser um marcador de risco para doenças cardiovasculares. Eles devem ser avaliados pelo urologista e também pelo cardiologista.

Na Clínica de Urologia Dr. Alessandro Rossol realizamos uma consulta detalhada para diagnosticar e tratar a causa do problema. Dispomos de todos exames e tratamentos para os diversos tipos e graus de impotência sexual.

TRATAMENTOS

Medicamentos Orais: os comprimidos e sprays com inibidores da fosfodiesterase tipo 5 (sildenafil, tadalafil, vardenafil) são uma ferramenta bastante útil no tratamento da Disfunção Erétil. No entanto, deve-se ter o cuidado de discutir os benefícios e riscos com cada paciente. Devem ser fornecidas instruções para maximizar o benefício e eficácia do medicamento. A dose deve ser titulada para fornecer a eficácia ideal. 

Ondas de Choque: Cardiologistas já provaram que ondas de choque estimulam o crescimento de novos vasos no músculo cardíaco, aumentando o fornecimento de fluxo sanguíneo ao coração. A mesma técnica é utilizada para ajudar homens com disfunção erétil a aumentar a vascularização do pênis, melhorando o tempo de ereção. A onda de choque é considerada um tratamento regenerativo do tecido vascular do pênis.

Reposição Hormonal: A solicitação de um perfil metabólico e hormonal é fundamental para excluirmos causas orgânicas tratáveis de disfunção erétil. Homens com mais de 45 anos com níveis baixos de testosterona e sintomas de andropausa podem melhorar sua ereção e sua qualidade de vida com Terapia de Reposição Hormonal

Injeções no Pênis: medicamentos vasoativos (como a papaverina, a prostaglandina e a fentolamina) podem ser aplicados com uma micro-injeção no pênis pelo próprio paciente. São manipulados sozinhos ou em associação. Muitos homens gostam desse tratamento porque não têm efeitos sistêmicos (dor de cabeça, azia, dores musculares) e sua ação é rápida: provocam ereção em 5-10 minutos. Estas aplicações sempre devem ser orientadas pelo urologista ao paciente para se fazer uma uma titulação adequada e evitar priapismo.

Prótese Peniana: Quando os comprimidos, fórmulas e injeções não funcionam mais, o implante da prótese peniana é uma solução bastante interessante para o paciente retomar a sua vida sexual. Outras situações também podem indicar a prótese:

  • pacientes em que os medicamentos orais causam efeitos colaterais, como dores musculares, obstrução nasal, dor de cabeça, azia e rubor facial;
  • homens que usam remédios para o coração (nitratos) e que não podem usar medicações para ereção;
  • pacientes que não tiveram resultados com remédios ou fórmulas e não querem usar injeções penianas;
  • pacientes que as injeções penianas pararam de funcionar;
  • homem que operou a próstata e está com impotência após a cirurgia;
  • pacientes com doença de Peyronie (pênis torto) associada a impotência sexual.

Conheça o Dr. Alessandro

Como médico cirurgião, tem se dedicado à realização de cirurgias do pênis, uso de microscopia e instrumentais cirúrgicos de alta precisão. O treinamento com estes materiais em estruturas anatômicas do trato gênito-urinário proporciona maior precisão e qualidade ao ato cirúrgico, aumentando as chances de sucesso do procedimento. Anualmente tem realizado cursos de aperfeiçoamento em Medicina Sexual nos Congressos da Associação Americana de Urologia e Conferências da ISSM – Sociedade Internacional de Medicina Sexual.

É especialista em cirurgias de Prótese Peniana, Doença de Peyronie, Tortuosidade Peniana Congênita, Varicocele, Hiperplasia da Próstata, Vasectomia e Reversão de Vasectomia.

  • Especialização em Cirurgia Urológica – Universidade Pierre et Marie Curie, Paris, França
  • Membro da ISSM – International Society for Sexual Medicine
    Membro da AUA – Associação Americana de Urologia
  • Especialista atuando em Urologia e Andrologia há 16 anos

Mais de 9000 cirurgias e procedimentos realizados

Especialização na França

Os pacientes operados pelo Dr. Rossol têm acesso ao celular pessoal do médico para tirar dúvidas que venham surgir no pós-operatório, garantindo assim uma assistência completa para o seu caso.

Dr. Alessandro Rossol

O conforto que você merece

A Clínica de Andrologia e Urologia Dr. Alessandro Rossol possui uma infraestrutura de alto padrão para atender com qualidade e excelência pacientes com problemas urológicos.

Espaço VIP para procedimentos

Agende uma consulta

Preencha o formulário abaixo para agendar uma consulta.

Agende uma consulta

Preencha o formulário abaixo para saber mais detalhes

Download Formulários

Biópsia por Agulha

Biópsia Prostática

Cirurgia da Curvatura Peniana na Doença de Peyronie

Cistolitotomia

Cistolitotomia Videolaparoscópica

Cistolitotripsia Transcistoscópica

Colocação de Cateter Duplo J Trasureteral

Correção Cirúrgica de Incontinência Urinária

Geral - Operações Cirúrgicas

Implante de Prótese Peniana Maleável

Litotripsia Extracorpórea por Ondas de Choque (LECO)

Nefrectomia Parcial por Calculose

Nefrectomia Radical com ou sem Linfadenectomia Retroperitonial

Nefrectomia Videolaparoscópica

Nefrectomia Videolaparoscópica do Rim Doador do Transplante Renal

Nefrolitotomia Anatrófica por Calculose Renal

Nefrolitotomia Simples por Calculose Renal

Nefrolitotripsia Associada à Endopielotomia Percutânea

Nefrolitotripsia Percutânea

Nefrolitotripsia Transureteroscópica

Nefrolitotripsia Transureteroscópica com Endopielotomia

Nefropaxia Videolaparoscópica

Nefrostomia Percutânea

Orquidopexia

Orquiectomia Bilateral

Orquiectomia Unilateral por via Inguinal

Pielolitotomia (Calculose Renal)

Pieoloplastia Videolaparoscópica

Postectomia

Prostatectomia para H.P.B. Transvesical ou Retropúbica

Prostatectomia Radical Retropúbica com Linfadenectomia

Prostatectomia Radical Videolaparoscópica

Ressecção Transuretral da Próstata

Ressecção Transuretral de Tumor Vesical

Tratamento Cirúrgico da Hidrocele

Tratamento Cirúrgico da Varicocele

Tratamento Cirúrgico Videolaparoscópico de Cisto Renal

Tratamento Endoscópico da Ureterocele

Ureterolitotomia

Ureterolitotripsia Transureteroscópica

Uretrotomia interna

Ureterolitotomia Videolaparoscópica

Nefroureterectomia Videolaparoscópica

Uretroplastia

Vasectomia

Correção cirúrgica de tortuosidade peniana congênita

Open chat
1
💬 Alguma dúvida?
Olá 👋🏻 Podemos te ajudar?